A presidente da Academia Brasileira de Ciências (ABC), Helena Bonciani Nader, foi reeleita para a copresidência da Rede InterAmericana de Academias de Ciências (Ianas). O anúncio ocorreu durante a assembleia geral da entidade que está sendo realizada em Córdoba, na Argentina. Na ocasião, também foi eleita a professora Karen Strier, dos Estados Unidos, que estará à frente do comitê executivo junto com Nader pelos próximos três anos. Esta é a primeira vez que a Ianas é liderada por duas mulheres.

O membro correspondente da ABC Jeremy McNeil, presidente da Royal Society do Canadá, deixa a copresidência da entidade após dois mandatos. No mesmo evento também foi montado o novo comitê executivo, que além de Brasil e EUA, conta com representantes de Argentina, Bolívia, Canadá, Chile, Colombia e Peru.

A Assembleia Geral da Ianas vai até o dia 21 de setembro, e, além da eleição, também abre espaço para sessões temáticas com diferentes focos:  transição energética, mudanças climáticas e saúde, publicações e periódicos predatórios, ciência aberta e ensino de ciências, tecnologia, engenharias e matemáticas (a chamada educação em STEM, do acrônimo em inglês).

 

Helena Nader, presidente da ABC, seguirá à frente da Ianas por mais três anos