Acadêmico José Goldemberg fala sobre meio ambiente e poluição no Domingão do Faustão, da Globo

  • Compartilhe:

Publicado em 05/06/2017


No dia 04 de junho, o programa de variedades da Globo "Domingão do Faustão" dedicou um quadro da programação para trazer dados e informações sobre o meio ambiente. A produção convidou o Acadêmico e presidente da Fapesp José Goldemberg para pontuar alguns tópicos atuais da situação do Brasil no cenário de preservação ambiental.

Goldemberg ressaltou que a temperatura média da Terra, que é de 15 ºC atualmente, deve subir para 17 ºC e a principal causa dessa variação tem sido o desmatamento da Amazônia, que aumentou, de 2015 para cá, em 29%. Apenas no intervalo entre 2015 e 2016 300 km² de Mata Atlântica foram desmatados. "Se compararmos a Terra com os seres humanos ela está ficando doente. Se a sua temperatura aumenta, é melhor que você vá ao médico, e é isso que está acontecendo com a Terra", compara o físico. 

Goldemberg lembrou ainda da importância de ações individuais como a coleta e separação corrretas do lixo, economia de água e energia e a troca da gasolina pelo álcool como combustível."O  etanol é mais barato, seu uso ajuda a reduzir a poluição atmosférica e prestigia uma solução desenvolvida no Brasil", defende o Acadêmico, fazendo alusão ao fato de que o Brasil foi o primeiro país no mundo a usar o álcool como combustível para automóveis. O país é, atualmente, o segundo produtor de etanol do mundo, com uma produção de 28 bilhões de litros por ano, perdendo apenas para os Estados Unidos.

Confira aqui a reportagem completa. 

(Ascom ABC)



Cadastre-se para receber
as Notícias da ABC:



Arquivo de notícias


 

Notícias anteriores TESTE


webTexto é um sistema online da Calepino