Português > Notícias > Reunião Magna 2016 traz novidades


Reunião Magna 2016 traz novidades

  • Compartilhe:

Publicado em 4/03/2016

Diversas novidades estão previstas para comemorar os 100 anos da ABC ao longo de 2016. Veja aqui todas as atualizações!

Novidades da Reunião Magna

A Reunião Magna, evento mais importante da Academia que sempre acontece na primeira semana de maio, terá o tema "Paving a better future", e será realizada no recém-inaugurado Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

O evento terá uma estrutura diferente. Foram escolhidos temas instigantes e atuais para serem discutidos por especialistas de diversas áreas. "Nesta edição, em vez de termos sessões dedicadas à química, física, biologia e assim por diante, optamos por temáticas como saúde global, segurança alimentar sustentável, energia, novas tecnologias e educação", afirma a coordenadora do evento, a Acadêmica Debora Foguel. "Esperamos, antes de tudo, celebrar os 100 anos de existência da nossa Acadêmia, uma instituição que tem enorme importância para qualquer nação!"

As sessões serão entremeadas com Conferências Magnas proferidas por pensadores e cientistas internacionais, expoentes em suas áreas. "Teremos como palestrantes alguns recebedores do Prêmio Nobel e cientistas agraciados com medalhas e outras honrarias de enorme reconhecimento", destaca Foguel. "Queremos que eles falem sobre o estado da arte de suas temáticas, mas com o olhar para o futuro - para os próximos 100 anos!"

Também foram convidados para coordenar e palestrar nas grandes sessões Acadêmicos recém empossados e pesquisadores brasileiros brilhantes em suas respectivas áreas. "Queremos que as conferências sejam instigantes para quem é daquela área, mas que sejam inteligíveis e interessantes para quem não é", comenta a bioquímica.

"Estamos particularmente animados com a possibilidade de, nesse ano tão especial para a ABC, realizarmos a Reunião Magna dentro do Museu do Amanhã no Rio de Janeiro", acrescenta. "Estaremos reunidos pensando em um futuro melhor e em como a ciência pode ajudar na sua construção, dentro de uma museu cuja missão maior é também a de pensar o amanhã. É o casamento perfeito!"

Foguel convida, desde já, todos os cientistas e não cientistas, professores, estudantes e pessoas de todas as áreas a participar da Reunião Magna, que sempre é aberta a todo o público e gratuita. "O Museu do Amanhã é um templo da ciência, da cultura e da reflexão. É um desses lugares que visitamos e dá orgulho de ser brasileiro.Tudo isso, envolto pelas belezas naturais da Cidade Maravilhosa!"

O evento será gratuito e aberto ao público, exigindo apenas a inscrição no site para todos os participantes, inclusive Acadêmicos.

Comemoração do centenário terá eventos-satélite pelo Brasil

Uma das atividades previstas para o ano do centenário da ABC é a realização de eventos-satélite em todo o país, organizados por Acadêmicos.Um deles, intitulado 16th C-HPP Workshop e organizado pelo Acadêmico Gilberto Domont, químico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), será sobre o Projeto Proteoma Humano (HPP, na sigla em inglês) e acontecerá no Rio de Janeiro, nos dias 11 e 12 de dezembro.

Lançado no 11th HUPO Annual World Congress em 2012 em Boston, nos Estados Unidos, o HPP é o mais importante e abrangente projeto cientifico do mundo na área biológica e da saúde, atualmente, que estabelece como meta a caracterização de proteínas de todo genoma humano. "As proteínas são o verbo da biologia e as técnicas proteômicas, os substantivos usados para identificá-las", compara Domont.

Outro evento, A Pesquisa na Agricultura de Baixo Carbono: Implicações para a Sustentabilidade e a Segurança Alimentar Global, está sendo organizado pelo Acadêmico Evaldo Vilela . "Abordaremos a produção de alimentos em um mundo com crescentes demandas e necessitando cada vez mais gerar renda e emprego, além da oportunidade ímpar para o Brasil de contribuir decisivamente para a alimentação da população mundial, com combate à pobreza e, consequentemente, contribuindo para a paz", explica Vilela.

O Acadêmico afirma, ainda, que o centenário é um momento estratégico para a ABC demonstrar para a sociedade brasileira a pesquisa científica e tecnológica de nível mundial que é realizada e os benefícios dela a população. "Conseguiremos muito se continuarmos avançando no desenvolvimento científico e tecnológico em nosso país, capacitando jovens talentosos e valorizando a ciência como um bem precioso da sociedade, e isto depende inteiramente do engajamento dos Acadêmicos, que devem comparecer e participar ativamente do diálogo com a sociedade."

Já o Acadêmico Carlos Aragão organiza um evento que sequencia outro ocorrido em 2013, na Dinamarca, chamado "An Open World" - Um Mundo Aberto. Esse evento comemorava os 100 anos da proposição do primeiro modelo atômico pelo físico vencedor do Prêmio Nobel Niels Bohr, em 1913. "O tema central desse encontro era uma proposta que havia sido feita no pós-guerra por Bohr", conta Aragão. "Ele escreveu uma carta, destinada aos governantes da época, propondo que o mundo fosse aberto e houvesse uma ampla circulação de informação, de modo que as potências mundiais pudessem compartilhar saberes."

Esse seria, para Bohr, o antídoto para situações de guerra - o compartilhamento de informações que fluíssem livremente, a exemplo do que ocorria na ciência, para evitar tensões. "A proposta dele não foi aceita, obviamente; pelo contrário: o mundo mergulhou em uma Guerra Fria." A conferência de 2013 tinha como objetivo resgatar essa proposta do Bohr de se estabelecer um intercâmbio de informações. Vários temas foram abordados, como drones, vazamento de informação e espionagem digital.

Na conferência da Dinamarca, Aragão estava representando o então ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antônio Raupp, e fez um convite para que uma nova edição do evento ocorresse três anos depois, em 2016 - ano das Olimpíadas e do centenário da ABC -, no Rio de Janeiro. A proposta, que teve o aval do ministro e do presidente da ABC, Jacob Palis , foi aceita, e a ideia é realizar essa segunda edição em novembro de 2016, como parte das celebrações do centenário.

Todos os Acadêmicos são muito bem-vindos a organizarem e se envolverem em atividades e eventos ligados ao centenário da ABC.


(ASCOM para NABC)



webTexto é um sistema online da Calepino