Português > Notícias > 200 pesquisadores fluminenses contemplados com recursos da Faperj


200 pesquisadores fluminenses contemplados com recursos da Faperj

  • Compartilhe:

Publicado em 5/09/2013

Na manhã de 5 de setembro, reuniram-se no Salão Nobre do Palácio Guanabara,no Rio de Janeiro, dezenas de membros da comunidade científica fluminense para a cerimôniade entrega do Termo de Outorga a 100 pesquisadores seniores, ganhadores doedital Cientista do Nosso Estado e 100 jovens pesquisadores, vencedores doedital Jovem Cientista do Nosso Estado, voltado para os que completaramdoutorado há menos de dez anos.

O diretor-presidente da Faperj, Ruy Garcia Marques, agradeceu ao Governodo Estado por estar cumprindo o que reza a Constituição e repassando, desde2007, os 2% da receita líquida do Estado previstos para a Fundação de Amparo àPesquisa. "No total, foram um bilhão eoitocentos milhões de reais executados pela Faperj nesses sete anos", destacou Marques.Ele explicou que os contemplados com os prêmios naquela cerimônia recebem recursospara apoiar suas pesquisas por três anos, período no qual eles têm também ocompromisso de promover, uma vez a cada ano, uma atividade em escolas de ensinobásico. "É parte do nosso compromisso com a educação e a divulgação científicano Estado do Rio de Janeiro", reafirmou Ruy Marques, destacando que hoje são500 cientistas seniores e 370 jovens cientistas recebendo apoio através desseseditais.

O representante dos premiados, Renato Crespo, ressaltou que esseseditais mudam a trajetória profissional de cientistas promissores, para osquais este estímulo é muito importante no desenvolvimento de seu talento ecapacidade científica. "O repasse integral dos 2% à Faperj recolocou o Rio deJaneiro em destaque no mapa nacional do desenvolvimento científico e tecnológicodo país", afirmou. Essa posição foi referendada pelo presidente da ABC JacobPalis, que lembrou que a Academia Brasileira de Ciências outorgou ao governadorSérgio Cabral o título de Governador da Ciência e de Membro Benemérito da ABC em 2009, pela extrema atenção e apoio que ele vem dedicando aodesenvolvimento da ciência, tecnologia e inovação no Estado e pelo interesse emajudar a ABC a ter uma sede à altura de sua importância.

O secretário de Ciência e Tecnologia do Estado do Rio de Janeiro, GustavoTutuca, destacou a importância daatuação da ABC, em especial de seu presidente, na conquista de trazer o FórumMundial de Ciências para o Rio de Janeiro, em novembro, pela primeira vez forada Hungria. "Sermos os anfitriões desse evento é muito importante para a cidadee para a comunidade científica do Estado", apontou o secretário.

Ele ressaltoutambém o valor que terá o Palácio da Ciência para o Rio de Janeiro a partir desua inauguração, que, segundo citou o governador Sérgio Cabral em seu discursofinal, deve ocorrer no ano que vem, dado que o projeto de retrofit do prédio,construído originalmente para ser o Banco Alemão, já está no Tribunal de Contase será licitado em breve. "O Palácio da Ciênciaserá a nova casa da Faperj e da Academia Brasileira de Ciências, que consolidarãoainda mais, como vizinhos, sua sólida parceria."


(Elisa Oswaldo-Cruz para as Notícias da ABC)



webTexto é um sistema online da Calepino